Banner Notícia

Prevenção à saúde presente na Festa do Pequi com acadêmicos de Enfermagem Santo Agostinho

Quem passou pela Praça da Matriz durante o final de semana na 27ª Edição da Festa Nacional do Pequi, além de grandes apresentações culturais, degustação do delicioso arroz com pequi, também pôde ser atendido de forma gratuita pelos acadêmicos de Farmácia, Fisioterapia e Enfermagem das Faculdades Santo Agostinho, Campus JK.

Na manhã de sábado (10.03), a professora Alanna Fernandes Paraíso e acadêmicos do 7º período de Enfermagem noturno prestaram atendimento, como aferição de pressão e testes rápidos de glicemia.

“Importante esse envolvimento dos acadêmicos com o público, pois eles aplicam na prática o que aprendem em sala de aula com a comunidade”, destacou a professora.

Alanna Paraíso ainda destacou as ações de extensão das Faculdades Santo Agostinho no auxilio e promoção à saúde. “Atividades como essas são importantes, pois hipertensão e diabetes são doenças crônicas que precisam de acompanhamento e tratamento contínuo. Pressão alta e diabetes apresentam fatores de risco para o doente”, ressaltou a coordenadora da ação.

Dário Soares Ruas, um dos acadêmicos que prestava atendimento voluntário, disse que o aprendizado e conhecimento são importantes na sua formação, profissional que deve estar apto para o mercado de trabalho em poucos meses.

“A gente ganha experiência com essas ações de extensão das Faculdade Santo Agostinho. E ganha, também, a população que aproveita o momento de lazer e diversão para checar como anda a pressão e a glicemia. Tive mais de 600 horas extracurriculares que me ajudaram nessa experiência única e importante em contato com a comunidade”, destacou o acadêmico.

Marianna Cotta, ao passar pela Praça da Matriz, se interessou em fazer o teste de glicemia e conferir a pressão e saiu satisfeita com os resultados. “Vim passear e aproveitei e fiz o teste de glicemia e chequei a pressão. Tudo em ordem, graça a Deus. Oportunidade de passear, ouvir grandes apresentações e ainda fazer exames de rotina e saber que está tudo bem. Mas, se não estivessem bons, já seria um momento de procurar por um especialista”, finalizou.

A professora Alanna Paraíso disse que a função da ação é despertar para os cuidados com a saúde e que as pessoas que apresentam alterações na pressão ou glicemia são orientadas a buscarem tratamento com especialistas.

“Nos casos em que as pessoas apresentam taxas elevadas de glicose ou a pressão arterial está muito alta, nós as orientamos a buscarem a ajuda de profissionais especializados. Aqui, apenas alertamos para os fatores de risco e mostramos os problemas que essas pessoas possam ter”, finalizou a professora.

Click e confira as fotos do evento: 

 

IMG_0554